Betty Page – Uma *Pin-up* de Carne e Osso

Escolhi a querida Betty Page para inaugurar as postagens sobre musas porque ela é a minha preferida dentre todas as referências pin-ups. Claro que o duelo com a Marilyn e outras divas é grande, mas para mim ela se destaca.

Betty Mae Page nasceu no dia 22 de abril de 1923 em Nashville, estado do Tennessee. Ela teve uma infância difícil, tinha uma família grande, que passava por muita necessidade. Seus pais tinham problemas de relacionamento e o pai era alcólatra. Eles se divorciaram em 1932 e Betty teve que ficar um ano em um orfanato com suas irmãs porque a mãe precisava trabalhar em dois empregos para pagar as contas de casa. Além de todos os problemas que acompanhou em sua família durante sua infância, aos 15 anos, Betty foi violentada sexualmente pelo seu próprio pai, que havia voltado a morar com a família.

Mesmo com todos esses problemas, ela tentava levar uma vida normal em sua cidade: Ia à igreja, vivia no salão de beleza que sua mãe trabalhava e no tempo que tinha livre sempre costurava. Era uma ótima aluna e sempre demonstrou interesse pela arte da atuação. Coordenadou o grupo de arte dramática e se formou Bacharel em Artes no Peabody College em 1943. No mesmo ano, casa-se com Billy Neal, seu namorado que havia cortejado a jovem Betty por um bom tempo. Depois de casados mudaram-se para San Francisco.

Já em San Francisco, Betty Page começa a fazer alguns trabalhos como modelo. Viajou para o Taiti, onde ela fez fotos muito famosas tomando banho de sol e de mar, muitas delas nua. Depois de 5 anos de casada se separa de Billy Neal e passa a viver em Nova York. Foi lá que Betty conheceu um policial chamado Jerry Tibbs (isso por volta de 1950) que, além de policial era fotógrafo amador. Ele foi o responsável pela transformação de Betty Page, inclusive dando dicas para o seu visual, como a imortalizada franjinha. Ela começou a pegar gosto pela vida de modelo e abandonou a profissão de secretária para continuar a carreira. Costurava suas próprias roupas e bikinis.

Foram os fotógrafos Irving Klaw e Bunny Yeager que imortalizaram Betty Page. Quando a diva assinou contrato com Irving Klaw, ela aceitou os termos onde eram exigidos fotos de “Bondage”. Betty ficou muito famosa com as fotos de sadomasoquismo e muitas revistas  como Eyeful, Beauty Parade e Wink passaram à procura-lá.

Sua fama fez com que o então presidente do Senado Carey Estes Kefauver, que não gostava nem um pouco das fotografias de Irving Klaw por causa da apologia ao sadomasoquismo, requisitou a própria modelo a depor em um processo contra o fotógrafo. Lembrem-se que estamos falando dos Estados Unidos da década de 1950. O ano de 1955 foi muito marcante para a Musa, pois foi capa da revista Playboy de janeiro e ganhou o título de Miss Pin Up Girl do Mundo. 

Betty Page se casa novamente, desta vez com Armand Walterson e no ano de 1958 desapareceu da vida pública. Os motivos nunca foram realmente esclarecidos. Alguns dizem que foi devido aos processos movidos contra as fotos de bondage e sadomasoquismo, outros dizem que foi por causa de seu casamento. A única coisa que se sabe é que Betty tornou-se uma religiosa devota. A nossa querida musa faleceu no dia 12 de dezembro de 2008, vítima de um ataque cardíaco. Ela tinha 85 anos.

Betty Page é a minha pin-up preferida porque teve coragem de fazer coisas que ningúem na época tinha. Sofria acusações constantes e preconceitos e, sempre levava seu erotismo e sensualidade às pessoas que buscavam e que apreciavam seu lindo trabalho. Acreditem, eram muitas.

Rest In Peace baby!!!

Published in: on 31 de dezembro de 2009 at 4:49 am  Comments (1)  
Tags: , ,

The URI to TrackBack this entry is: https://misslittlecherry.wordpress.com/2009/12/31/betty-page-%e2%80%93-uma-pin-up-de-carne-e-osso/trackback/

RSS feed for comments on this post.

One CommentDeixe um comentário

  1. FÃN INCONDICIONAL!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: